https://www.cincork.com/public/media.900220538/images/pages/fachada.jpg

O CINCORK

QUEM SOMOS

Cincork Logo

 

O CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DA INDÚSTRIA DE CORTIÇA "Cincork" iniciou a sua actividade em Janeiro de 1985, tendo sido oficialmente instituído em Setembro de 1987 pela Portaria nº 758/87 de 2 de Setembro, por acordo protocolar entre o I.E.F.P (Instituto de Emprego e Formação Profissional) e a A.I.E.C.N. (Associação dos Industriais e Exportadores de Cortiça do Norte), actualmente designada por APCOR - Associação Portuguesa de Cortiça como forma de dar expressão ás necessidades sentidas pelo sector.


(Video comemorativo dos 30 anos do Cincork)

A estrutura orgânica do CINCORK - CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DA INDÚSTRIA DE CORTIÇA integra os órgãos abaixo listados:

 

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Órgão ao qual cabe a definição de políticas e a gestão global do Centro.

  • Presidente – Cristina Rodrigues (IEFP)
  • Vogal – Miguel Venâncio (IEFP)
  • Vogal – Joaquim Lima (APCOR)
  • Vogal – Pedro Borges (APCOR)

 

DIRETOR

Órgão a quem compete a gestão do pessoal e a execução das deliberações do Conselho de Administração, tendo ainda, a seu cargo a gestão corrente e a presidência do Conselho Técnico-Pedagógico.

  • Diretor - Rui Cardoso

CONSELHO TÉCNICO – PEDAGÓGICO

Órgão consultivo, cuja competência se traduz na elaboração de pareceres, relatórios e estudos sobre planos, programas e actividades a desenvolver pelo Centro.

  • Presidente – Rui Cardoso (Cincork)
    Vogal – Susana Ribeiro (IEFP)
  • Vogal – Alexandra Godinho (APCOR)

 

COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO

Órgão que verifica e dá parecer sobre o orçamento e contas, examina a contabilidade, fazendo, ainda, apreciação do mérito da gestão financeira aplicada.

  • Presidente – Elsa Matos (IEFP)
  • Vogal – Manuel Sá Azevedo (APCOR)
MISSÃO

A missão do CINCORK é compreender os valores, a cultura, as necessidades de formação da fileira da cortiça e da Área Metropolitana do Porto, por forma a difundir conhecimentos que garantam a competitividade das empresas nos mercados nacional e internacional.
Criamos valor oferecendo às empresas, soluções e serviços que as ajudem a ter sucesso nos seus domínios de actividade. A obtenção do sucesso nesta missão permitirá que o CINCORK cresça mais rapidamente e obtenha uma maior afirmação como estrutura formativa de referência.


 

VISÃO

O CINCORK pretende ser uma referência para a fileira da cortiça e para a Área Metropolitana do Porto, ao nível da formação profissional em termos de ética, confiança, criatividade, crescimento e excelência, sempre com o objectivo de ser reconhecido por todos como legítimo e pro-activo representante na transmissão de conhecimentos.


 

VALORES E CULTURA
  • O CINCORK tem como linhas de actuação ser responsável, comunicar claramente utilizando linguagem inclusiva, ser transparente, promover a igualdade de género e de oportunidades e respeitar a dignidade, direitos e princípios que permitam satisfazer as expectativas dos clientes, fornecedores e colaboradores.

  • Fomentar no/a formando/a o sentido de responsabilidade e de cidadania no desenvolvimento das suas potencialidades intelectuais e técnicas, de forma a sentir-se motivado/a mais para o “saber e ser” do que para o “parecer e ter”, através de um esforço crítico persistente, personalizado e progressivo.

  • Procurar criar e manter relacionamentos duradouros baseados em confiança e visão compartilhada entre as diversas entidades públicas e privadas, inseridas na Fileira da cortiça e na Área Metropolitana do Porto.

    A cultura do CINCORK é caracterizada por uma vontade invencível para, em colaboração com a indústria, promover a competitividade tanto da Fileira da cortiça como na Área Metropolitana do Porto.
POLÍTICA DE GESTÃO

A Política da Gestão do Cincork assenta nos seguintes princípios:


  • Assegurar uma elevada qualidade na prestação de serviços de formação, que satisfaçam as necessidades e expectativas tanto da fileira da cortiça como da Área Metropolitana do Porto;
  • Desenvolver métodos de gestão baseados na autonomia, na responsabilidade e no respeito mútuo dos intervenientes;
  • Garantir uma gestão eficiente e eficaz dos formadores por forma a assegurar um elevado grau de performance na formação ministrada, analisando regularmente o seu desempenho e o impacto junto dos clientes;
  • Assegurar o cumprimento de toda a legislação e regulamentação aplicável, em vigor;
  • Proporcionar um clima organizacional favorável à motivação e empenho dos colaboradores para a consecução dos objetivos e estratégias do CINCORK e assegurar a adequada e contínua formação visando a manutenção e o reforço das suas competências;
  • Melhorar permanentemente o desempenho do Cincork, mantendo adequados e atualizados meios técnicos e humanos que possibilitem uma resposta eficaz e eficiente às necessidades e expectativas, de forma a evidenciar a satisfação dos seus clientes e outras partes interessadas consideradas relevantes.
ORGANOGRAMA GERAL

Organograma Geral

ISO 9001:2015

Qualidade

 

Tipo de Certificação: Sistemas de Gestão da Qualidade. Requisitos

Certificadora / Acreditadora: APCER – Associação Portuguesa de Certificação

Norma: NP EN ISO 9001:2015

Certificado: 03/ CEP. 1912

O Cincork tem implementado, na sua organização, um Sistema de Gestão da Qualidade, conforme a NP EN ISO 9001:2015 e aplica-se a todas as atividades desenvolvidas pelo Centro, designadamente:

  • Diagnóstico, Conceção, Desenvolvimento, Execução e Avaliação de projetos formativos

  • Fabricação de Produtos de Cortiça resultantes de ações de formação.

 

SYSTECODE - Código Internacional das Práticas Rolheiras

SYSTECODE

 

Tipo de Certificação: Certificação SYSTECODE - Código Internacional das Práticas Rolheiras<>
Certificadora / Acreditadora: Bureau Veritas / CE Liège

Certificado: BV / 1170 / CO.PTX


Neste âmbito, o Cincork encontra-se certificado nas seguintes actividades:

  • Actividade nº 1 - Preparação da Cortiça

  • Actividade nº 2 - Fabricação de Granulados de Cortiça

  • Actividade nº 3 – Fabricação de Discos de Cortiça Natural

  • Actividade nº 4 - Fabricação de Rolhas de Cortiça Natural e de Corpos para Rolhas Capsuladas 

 

Acreditação DGERT

De acordo com a Portaria nº 851/2010 de 6 de Setembro, que regula o Sistema de Certificação de Entidades Formadoras, o Cincork, pela natureza das suas atribuições consagradas na Portaria nº 758/87, de 2 de Setembro, encontra-se isento de acreditação pela DGERT - Direção Geral do Emprego e das Relações de Trabalho para o desenvolvimento de actividades formativas.

INSTALAÇÕES

Cincork

Inauguradas em 17 de Janeiro de 2006, as instalações do Cincork apresentam uma área coberta útil de 5250m2, tendo como área total aproximadamente 11300m2, sendo que conta com 12 salas pedagógicas que reúnem boas condições de higiene e segurança e ambientais, nomeadamente acústicas, de iluminação, ventilação e temperatura, devidamente dimensionadas, com possibilidade de serem escurecidas, quando necessário, para a visualização de projecções.

Ainda neste âmbito sublinhe-se a existência, no complexo pedagógico, de uma papelaria/reprografia, sala de estudo/biblioteca, espaço Internet, bar/sala de convívio, refeitório, cozinha e auditório.
O Cincork contempla, também, uma nave oficinal equipada com os mais recentes desenvolvimentos tecnológicos, designadamente:

  • Tratamento de cortiça em estaleiro;
  • Cozedura com geração de calor respeitando a legislação actual;
  • Processo de Preparação e Transformação (Traçamento e Brocagem) de rolhas e discos de cortiça natural;
  • Acabamento e selecção de rolhas e discos naturais;
  • Lavação e tratamentos finais;
  • Trituração/Granulação


A nave oficinal permite, ainda, formação específica no âmbito da Electrónica, Pneumática Afinação/Manutenção de Máquinas, Metalomecânica entre outras áreas, cada vez mais solicitadas pela indústria.

PARCERIAS

parcerias

Atento ao quadro de desenvolvimento económico, nomeadamente globalização, competitividade e tecnologias de informação que envolvem a Indústria de Cortiça, o Cincork definiu uma estratégia de enquadramento com várias organizações, no sentido de criar uma envolvente favorável à inovação e ao acréscimo de competitividade empresarial, numa lógica de inserção na atividade formativa e que visam permitir robustecer e desenvolver o âmbito da intervenção deste Centro no quadro dos objetivos para os quais foi criado.
Tendo em conta a experiência adquirida ao longo dos últimos anos podemos constatar que há uma diversidade de problemas de carácter específico, sejam do ponto de vista técnico, geográfico e outros, que só em cooperação com diferentes organismos será possível atingir novos extratos dimensionais, disseminando boas práticas e antecipando a resolução de questões estratégicas do desenvolvimento empresarial, mormente a qualificação escolar e profissional dos recursos humanos.


  • Fileira da Cortiça:

 

  • Centros de Emprego:

 

  • Autarquias:

 

  • Agrupamentos Escolares:

 

  • Associações:

 

  • Universidades e Instituições de Ensino Superior:

 

  • Outras: